José Hilton Rosa

Sentimentos,  Poesias e Música

Textos

Paixão ao longe
No cárcere  de seu amor,
sinto que sou um horror.
Acalanto meu prazer,
ansioso,  espero aparecer.

Como um filho órfão,
sem a presença do irmão,
espero ansioso meu amor,
bem próximo de um furacão e horror.

Um dia será feliz,
como uma mãe que dá a luz.
Espere seu irmão,
é tudo que diz!

Como um vulto no além,
vejo-a com seu vestido no leme,
de um barco que corta o mar.
O vento a faz sublime.

Seus cabelos voam,
meu coração bate mais forte.
Não tenho a sorte,
que ela acabe com minha paixão!

Jose Hilton Rosa
Enviado por Jose Hilton Rosa em 02/12/2008
Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras